chuva no telhado

PROJETO DE CAPTAÇÃO DA ÁGUA PLUVIAL

FILTRO DE CHUVA

A água proveniente das chuvas após captação, tratamento (quando necessário) e preservação, para uso não potável. Possíveis utilizações: irrigação, descarga em bacias sanitárias e mictórios, lavagem de piso, fins paisagísticos, entre outros.
Para montar um sistema de reaproveitamento da água pluvial em residência, é necessário um reservatório inferior ou acima de 5.000 litros para armazenar a água, um filtro da água de chuva, bomba, tubulação para distribuição da água e torneiras.
Se for reutilizar esta água para descargas, é preciso um reservatório superior. 

É uma atitude ecologicamente correta e responsável, pois permite o aproveitamento da água pluvial em vez de utilizar água potável nas descargas e limpeza em geral, economizando dinheiro. O sistema pode ser instalado em qualquer ambiente: rural ou urbano, casas ou condomínios; Representa uma economia até 50% na conta de água; Possui diferentes capacidades de acordo com as suas necessidades – há modelos de minicisterna e cisternas em vários tamanhos, de 80 litros, mil litros e até 16 mil litros; Ajuda a conter enchentes ao armazenar parte da água que, caso contrário, iria para rios e lagos e diminui o volume de água da chuva no esgoto; Ajuda em tempos de crise hídrica e é utilizada.
O filtro contém um clorador, câmara de folhas, penas e resíduos grandes. Registro de limpeza da água suja.O filtro se adapta a qualquer projeto residencial.
A entrada da água potável no meio da caixa, é para quando faltar água da chuva, as descargas dos banheiros não faltar água. Instalar uma boia nesta entrada. Caso queira também você pode instalar um registro.
tubulação da água pluvial